18 de agosto de 2015

7 incríveis lições para a vida que você precisa aprender com o Queen

7 incríveis lições para a vida que você precisa aprender com o Queen



Você gosta das músicas emocionantes do Queen? Percebe aquela energia incrível que faz seu coração até pulsar mais rápido e chega até sentir aquele arrepio enquanto os escuta? Pois é, eu também! 


O Queen não deixou apenas hits musicais, pelo contrário, eles foram muito além disso, algumas de suas letras são verdadeiras lições para a vida e algumas músicas se tornaram hinos. Tudo isso contribuiu para estarem entre as bandas de rock mais incríveis de todos os tempos.


Gostaria de aprender mais sobre o amor com essa banda maravilhosa? É claro que gostaria! No artigo de hoje você vai aprender 7 incríveis lições para a vida que podemos aprender com o Queen!


5 de agosto de 2015

A verdade que ninguém nunca contou a você sobre a felicidade



Ser feliz é o sonho de muitos, mas poucos conseguem.


Conheça o porque fracassamos na busca pela felicidade



A felicidade é algo que praticamente todos estamos em busca, porém poucos são aqueles que a alcançam, mas o que realmente tem acontecido?



Estamos cada vez mais pressionados com a nossa própria vida. Buscamos sermos bem sucedidos profissionalmente, sermos atraentes fisicamente, alcançarmos a tão sonhada qualidade de vida, termos bons relacionamentos, sucesso financeiro e por aí vai. Seria a realização disso tudo a felicidade?


A realidade infelizmente é outra. As consequências de todo esse nosso esforço tem sido mais e mais profissionais estressados, ansiosos, muitas vezes frustrados, sem tempo para a família e amigos. Cresce o número de pessoas com depressão, problemas emocionais, relacionamentos curtos e ruins, aumenta também a violência, as doenças físicas e mentais... 



Porque isso acontece? 


Simples, porque entendemos errado o conceito de felicidade. Ao longos dos anos, fomos inserindo informações e conceitos errados sobre o que é felicidade e de como ela acontece.


5 de maio de 2015

Meu barquinho, meu amor!


Meu barquinho, meu amor, é de valor inestimável
Não ancora em uma baía, mas tem seu porto seguro,
Não tem cabine, nem bancos de couro, é de madeira simples,
Mas meu amor, acredite, é conforto puro!

Nesse barquinho eu me aventuro,
Cedinho pela manhã, da pra ver o sol nascer,
O vento soprando, a brisa do mar, as ondas a bater
E mais tarde, a lua e as estrelas ao anoitecer,

Meu barquinho, meu amor, não tem motor,
Tem três remos de suporte,
E uma vela que segue a favor do vento,
Também, não tem bússola,
A correnteza é meu norte, o destino o meu contento.

Meu barquinho, meu amor, não tem mastro,
Mas tem uma proa para me proteger,
Quando a maré sobe e as ondas se perturbam,
Eu aproo e sigo em frente,
Supero o medo e continuo a viver.

Meu barquinho meu amor, não tem timão,
Por sorte minha, ou não,
Todas as manobras são feitas pelo coração,
Confesso, que as vezes quase naufraga a embarcação,
Mas, amor, o que seria dessa vida sem riscos e sem paixão?

No meu barquinho, Deus é a própria defensa,
E eu sou o orador,
Não há bilhete para inveja, nem ódio, nem mesmo dor,
Nessa tripulação, só embarca quem transborda amor.

No meu barquinho, meu amor, não tem gaza nem laço
Muito menos bitola,
Todo cabo é livre para ser o que for,

O meu barquinho, não tem lastro também,
Oras, equilíbrio não é algo que se retém,
Por isso, entre uma viagem e outra, uma meditação me convém.

E a busca por estabilidade é constante,
Não é feita de aço,
Ela está entre um sorriso e um abraço,
O que faz desse barco ainda mais deslumbrante.

No meu barquinho, meu amor, a bombordo é um pulso forte,
Que me dá coragem pra avistar longe e  não ir a pique,
Aqui nesse transporte, toda légua é aprendizado,
E a cada terra firme, um grito de obrigado!

De marinheira comandante,
Sigo eu, meu amor, viajante,
No meu barquinho tranquila a navegar...
Nesse oceano gigante,
Içar velas é sinônimo de amar.

Meu barquinho, meu amor, como pode ver
Vai de vento em popa!
E é realmente de valor inestimável,
Não está a venda,
Afinal, qual o preço teria algo inexplicável?





Compartilhe