2 de março de 2011

Caminhoneiro


O velho caminhoneiro,comandante das estradas
Debaixo daquele toldo, já são tantas toneladas.
Historias experiências, por de traz de um pára-brisa.
Tanta coisa que machuca, mais o tempo cicatriza!
Roberto Carlos - O velho caminhoneiro

Lendo essa letra de música ou escutando-a, lágrimas rolam pelo meu rosto, meu pai é caminhoneiro, são mais de 40 anos de estrada, transportando toneladas de lá pra cá, daqui pra lá, quase sempre que posso eu viajo com ele. Mas, a verdade é que as estradas, o trabalho é tudo tão cansativo, tão cruel, você passa pelos caminhos e vê o mundo como ele é, a situação de um pobre caminhoneiro, tendo que enfrentar sol e chuva nas estradas, comer comida as vezes fria, as vezes muito cara, ou outras vezes ficar com fome.

Dia, noite madrugada ele sai, não tem hora de partida,
O caminhão o que ele traz, e a coragem que ele tem que é sempre mais.
Pulso firme no volante enfrente vai, pela estrada e pela vida!

São tantas as coisas, vemos pessoas jogadas pelas ruas, andarilhos na estrada, os postos de parada que são tão imundos, a situação é tão críticas para nossos caminhoneiros, viajantes das estradas que não tem hora de chegar e trabalham dando a própria alma, e o que seria do Brasil sem os nossos caminhoneiros? e se todos parassem nesse país de rodovias? O nosso país depende desses profissionais e o que eles ganham em troca? É buraco pra todo lado, pagamentos atrasados, as empresas não pensam nesses trabalhadores, é um absurdo!

Eu tenho orgulho do meu pai e por ele ser tão trabalhador, ele é meu herói, eu o amo de mais, espero conseguir ser bem sucedida na vida pra tirá-lo das estradas que há tanto tempo o tira de mim! Apesar de passar todos esses anos por essas estradas e essa vida ele tá sempre com um sorriso no rosto e cheio de alegria e histórias pra contar, tem um coração de ouro... Ele simplesmente é o melhor pai do mundo, assim como a minha querida mãe!

Seu coração viaja em paz,
Carregado de emoção de mais de mais
Dia, noite e madrugada ele sai,
Não tem hora de partida
No caminhão o que ele traz
E a coragem que ele tem que e sempre mais
Pulso firme no volante enfrente vai, pela estrada e pela vida!

Essa foi só uma vontade que tive de falar sobre isso... não me contive em lágrimas e parei de escrever aqui.

Quem quiser ver a letra inteira e o vídeo da música:
O velho Caminhoneiro

Grande beijo!

Compartilhe