31 de março de 2009

O tempo não para.


"Vivemos em uma época sombria: a Renascença
ainda não veio. Hoje, podemos viajar a grandes velocidades,
mas não sabemos porque desejamos chegar ao nosso
objetivo; o homem conhece cada palmo da superfície da
Terra, mas não conhece mais a si mesmo; pode desembarcar
na Lua mais facilmente que Ulisses pôde fazer na taca, mas
não dispõe de um Homero ou Virgílio para cantar essa
façanha, e traduzir o seu significado simbólico. Suas cidades
são imensas, mas a vida é desumana e alienante; os prédios,
monumentais, não mais reproduzem a estrutura do cosmos
em suas formas, nem abrigam os Mistérios em suas medidas." Pierre Well

Você leu a passagem citada acima e pouco entendeu? então, vamos a explicação.
Porque desse texto?
Quando o autor diz que hoje podemos viajar a altas velocidades ele está se referindo a toda nossa tecnologia de ponta em que podemos ir até mesmo ao espaço, porém o homem não consegue mas definir qual é o seu objetivo, onde quer chegar, pra onde ir?
outra parte em que ele diz que nós sabemos cada passo (metros) desse planeta, mas não nos conhecemos, você concorda com isso?? eu concordo, os grandes e inúmeros exemplo são os jovens alienados, na maioria das vezes com boa escolaridade , mas não sabem qual o objetivo de suas vidas, não conhecem o valor da vida, são medíocres com si mesmos, preocupam-se somente com a beleza , com a opinião que esta sendo passada de si para os outros e assim acabam no que para nós já esta banalizado: o uso de drogas, violência, depressão....
Inclusive para alguns jovens, o uso de drogas é uma coisa bacana que te deixa por cima de tudo, poderoso na moda etc... Assim vemos uma minoria rica desperdiçando dinheiro (e é aí que comprovasse que não é esse que traz felicidade) , enquanto uma maioria pobre, miséravél, sem condições realmente de vida! Mas eles (os jovens) não sabem que isso é babaquice, perca de tempo , perca de vida! Como diz claramente refletida nessa passagem da música panorama:

"Alheia a isso, a maioria continua exaltando o luxo e a propriedade privada
Esquece que caixão não tem gaveta
E que dessa passagem, a aprendizagem é a única bagagem levada"


Quando olho as oportunidades que temos de usufruir do conhecimento e ainda há jovens alienados com o entretenimento, drogas, banalizações e consumismo eu realmente me sinto única entre milhares!

Sabemos que essa é uma realidade, não é verdade? Então queridos se você quer aproveitar a vida, comece logo , pois como diz Cazuza:
"Eu vejo o futuro repetir o passado
Eu vejo um museu de grandes novidades
O tempo não pára
Não pára, não, não pára"

Aproveite enquanto você tem tempo, não dê atenção ao que não importa, preocupe-se consigo mesmo e aprenda as coisas boas que essa vida tem a oferecer. Se existe infinitas possibilidades boas, porque escolher justamente as ruins? Pense e reflita!

Mas ainda há algo que nos deixa semelhantes, Como diz o Forfun:
Há algo que move a todos com a mesma força vital
A busca da felicidade e a realização pessoal.

Compartilhe